Ilha de S. Vicente

Cabo Verde

0 ofertas em Ilha de S. Vicente

Sabe mais sobre Ilha de S. Vicente

Ficha informativa

Documentação necessária:
- Passaporte com validade mínima obrigatória de 6 meses a contar da data de saída de Cabo Verde.
- Taxa de Segurança Aeroportuária (TSA). Para obtenção da TSA, os dados de passaporte terão de ser inseridos na íntegra no processo após a sua conclusão ou até 5 úteis dias antes da partida. Após esta data, a obtenção da TSA deverá ser paga à chegada ao aeroporto de Cabo Verde (valor indicativo: 31? por pessoa). 
Visto: além da TSA, é necessária a obtenção de visto com exceção das seguintes nacionalidades: Alemanha, Áustria, Bélgica, Brasil, Bulgária, Canadá, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estados Unidos da América, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Islândia, Itália, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Holanda, Polónia, Reino Unido da Grã Bretanha, República Checa, Roménia, Suécia e Suíça. Para obtenção do visto, os dados de passaporte terão de ser inseridos na íntegra no processo após a sua conclusão ou até 5 úteis dias antes da partida. Após esta data, a obtenção do visto deverá ser paga à chegada ao aeroporto de Cabo Verde (valor indicativo: 25? por pessoa). 

AVISO
A) As taxas de aeroporto e de combustível estão sujeitas a alterações até à data da partida.
B) Os quartos indicados como triplos são duplos com cama extra.
C) A hora de saída dos quartos no último dia terá de ser efetuada até às 12 horas.
D) Taxa turística (valor indicativo de 2? por pessoa e noite), aplicável a maiores de 16 anos, paga localmente nos hotéis. 
E) O check-in nos voos para Cabo Verde encerra 60 minutos antes do horário da partida.
F) Comparência no aeroporto 3 horas antes da hora do voo.
G) O envio de documentações poderá estar sujeito à regulação prévia de saldos ou débitos existentes.
H) A inserção dos dados de passaporte é da responsabilidade da agência de viagens, declinando a Solférias qualquer responsabilidade pelos dados inseridos.

Sobre o destino

  São Vicente é a capital da cultura, da música, das mornas.

    Esta é a ilha que viu nascer grandes artistas como Cesária Évora e Tito Paris. Aqui a vida é uma festa e a festa tem sempre música, por isso é tão conhecido o Carnaval do Mindelo e o Festival da Baía das Gatas, em agosto. Praia, cultura e animação, mas esta ilha tem mais para oferecer a quem a visita. As suas características convidam ao lazer e à vida boémia nas quentes noites cabo-verdianas. É uma terra de poetas e artistas das mais variadas expressões e que se orgulha das suas tradições. Por isso mesmo é que o Mindelo deixa recordações eternas a quem a visita. Sem dúvida que, ao ritmo da morna e da coladeira, esta ilha se tornou um lugar de diversidade cultural. O teatro também tem muita expressão nesta ilha, havendo um festival anual.
    Recomenda-se a visita ao Fortim do Rei, a construção mais antiga existente no Mindelo, e onde se pode desfrutar de uma magnífica vista panorâmica sobre a cidade. Não deixe de descobrir o Centro Nacional de Artesanato, um museu vivo onde pode conhecer melhor a cultura e o artesanato de Cabo Verde.
    A poucos quilómetros da cidade do Mindelo, e em direção a leste, descobrem-se praias que deleitam quem as visita. Outro local a não perder é a Baía das Gatas, com a sua praia de mar calmo e cristalino e a sua piscina natural. Em contraste, a oeste, a praia de São Pedro, com o mar mais agitado, e onde pode praticar vários desportos aquáticos como o windsurf e o kitesurf.
    Mas existe mais para descobrir, como a magnífica Baía do Porto Grande, o "Monte Cara" e o Parque Natural do Monte Verde e as belíssimas praias, com destaque para a de "Laginha" (na cidade do Mindelo), São Pedro, "Baía das Gatas", "Praia Grande" e "Calhau. São Vicente é carinhosamente chamada pelos cabo-verdianos como a ilha dos artistas, por ser o berço de cantores e poetas como Cesária Évora, Tito Paris, Jorge Barbosa e Manuel de Novas.
    Costuma dizer-se em Cabo Verde que a verdadeira essência do espírito e da cultura cabo-verdiana se encontra na cidade do Mindelo, o que levou Manuel de Novas a afirmar "Quem ca conchê Mindelo, ca conchê Cabo Verde" (Quem não conhece o Mindelo, não conhece Cabo Verde).




   

Newsletter

Obtem as melhores ofertas no teu e-mail